JCast

Cultura pop japonesa, só que diferente.

RSS 0 0
0:00
Loading

JCast #214

Updated about 1 month ago.

APOIE O NOSSO APOIA.SE COM O SEU APOIO PFVR: https://apoia.se/theknurdproject

00:01:32 Kamen Rider Zi-O
01:12:52 Kamen Rider Zero-One

Kamen Rider Zi-O fala sobre o tempo. O tempo que nunca volta. Só que na série ele volta, e avança, e volta de novo, muitas vezes. Como um livro. Só que um livro nunca volta, ele só avança. A não ser que você volte algumas páginas por ter passado um mês sem ler aquele livro ou por estar lendo uns cinco livros ao mesmo tempo, ou então esteja relendo o livro porque o leu na adolescência e precisa reler pra ter uma visão mais madura sobre a obra. Ou então eu posso ajustar essa analogia e falar sobre o livro em uma biblioteca, que vai e volta, como o Tempo em Kamen Rider Zi-O. Mais precisamente na biblioteca de Hernando Guanlao, um filipino que começou a disponibilizar sua coleção pessoal de 100 livros para empréstimo e conta agora com milhares de edições que se vão e as vezes nunca voltam pois quem pega não precisa se registrar nem tem obrigação de devolver. Então os livros, como o Tempo em Zi-O, não têm uma trajetória previsível nem definida. Eles vão, eles voltam, podem ir e não voltar, podem voltar e não ir. E você pode ler mais sobre essa história e muitas outras no blog do Laivindil, o https://medium.com/@ChristianEscreve. Ah, mas só depois de ouvir nosso maravilhoso podcast sobre Kamen Rider Zi-O, mais as nossas primeiras impressões de Kamen Rider 01, provando que a franquia Kamen Rider é como o Tempo e como os livros: as vezes fica mofada mas nunca realmente decepciona.

Download

Comments